Bem vindo a “American Horror Story – My Roanoke Nightmare”

O post de hoje está sendo escrito por uma pessoa que está sendo iludida ao considerar a nova temporada de “American Horror Story” a melhor até agora! Vou aguardar até o final, mas após 3 episódios assistidos, só tenho elogios!

Acompanhamos desde o início da divulgação desta 6ª temporada o mistério e os ‘teasers’ lançados para nos confundirem ainda mais. Sim, fizeram um jogo com a gente! E, mesmo após sua estreia, muitas pessoas permaneceram confusas e sem conseguir definir qual a temática desta temporada. Mas vamos à narrativa, sem muitos spoilers…

Só não vê quem não quer…
 Um casal se muda para uma fazenda afastada, após ganhar de uma família de caipiras a disputa pela ~mansão mal assombrada~ em um leilão improvisado. O que Shelby e Matt não esperavam era que este lugar guardasse acontecimentos macabros do passado, muito presentes ainda e dispostos a destruir sua felicidade e sua paz! Quem também vive na casa é Lee, irmã de Matt.

 

Maaaas, essa temporada tá diferentona, é como se existisse uma narrativa dentro da própria narrativa da série!

Se aquietem que vou elaborar melhor rs

Na verdade, a história traz esses três personagens em um programa onde eles contam sobre sua experiência na fazenda e tudo o que aconteceu por lá. Então, os três personagens da foto acima não são Shelby, Matt e Lee “da vida real”. É como se pessoas do BBB contassem para um câmera sua história e outras pessoas os interpretassem. Entendeu? Assistindo dá pra entender super de boa, mas o porquê dessa estratégia não sabemos ainda…

“verdadeiros”

A temporada está macabra, envolvendo rituais, espíritos… Os 3 passam a não saber se o que estão vendo é real ou não, se é passado ou presente, e até mesmo perdem sentido daquilo que fazem! Eles tentam ligar os acontecimentos aos caipiras que disputaram a fazenda com o casal, mas nunca os encontram…

Fugiram? Culpados? Vítimas?

E olha quem já deu as caras por lá (performando, como já apareceu muitas vezes nos palcos e nas premiações): a dona do single que eu espero não definir esta temporada, intitulado “Perfect Illusion”…

Lady Gaga, é você? Mais ‘mother monster’ do que nunca

 

Super recomendo a nova leva de episódios de “AHS”!

Mas tem que gostar de um terror e não ser muito medroso rs Ah, e o título “Roanoke” e a lenda de “Croatoan”, que estão presentes na narrativa, são histórias que existem e podem ou não realmente ter acontecido! Pode jogar no Google…

Encerrando, perceberam também a inovação que adotaram? Quem assiste séries já espera o “Previously” (Anteriormente) assim que o episódio começa, mostrando eventos que já ocorreram na narrativa. Mas aqui não, neném! Nesta temporada, este momento inicial traz flashes de acontecimentos futuros do próprio episódio em questão! É como se o episódio iniciasse com spoilers do que acontece nele!

Espero sinceramente que não seja uma perfeita ilusão e que essa temporada continue boa! Que titia Ryan nos ouça, amém!

Viver a vida com simpatia e bom humor é meu lema. Tenho 23 anos, amo cultura pop, sou viciada em séries, realities e sorvete. Leonina com os dois pés em peixes, sou muito emotiva sim. Quem quiser conhecer mais, só vem @ranycamara

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.